domingo, 25 de setembro de 2016

Prece!


#Fe:

Prece!

"Eu aprendi que sempre posso fazer uma prece
por alguém quando não tenho forças para 
ajudá-lo de alguma outra forma."

O Editor!

Senhor Deus dos aflitos
Que derramam lágrimas
Em pranto ou silenciosamente
Com o coração partido
Pela perda do seu amado querido.

Consolai no silencio da dor, consolai.
Senhor Deus Eterno, infindo.
Tem misericórdia
De nós pobres mortais
Iludidos de imortalidade fulgás.
Da alma insaciável:
de poder,
de beleza,
de fama,
de dinheiro
De tudo que um dia se esvai.

Ensinai, a preencher nosso coração com valor.
Senhor Deus Fonte de Vida
Sacia nossa sede:
Com Amor,
Paz,
Fé,
Esperança,
Humildade,
Tudo que vem da tua Imensa Bondade.


Iluminai nossa existência iluminai.
Senhor Deus dos oprimidos
Levantai Tua Mão
Em Justiça
Contemplai aquele que mudo
Desesperado
Sofre nesse mundo tão desigual
Por ser diferente,
Por ser pobre,
Por ser preto,
Por ser refugiado,
Por ser homossexual.

Levantai, teus profetas que denunciem
Levantai, mãos que auxiliem
Levantai, pés que se apressem em socorro.
Levantai, a mim, Levantai.
Senhor Deus da vida,
nos ensina a contar nossos dias;
de tal forma que em nós
Cresça a sabedoria.

E sábios andemos na tua Luz,
E entendendo nossa brevidade
Que vivamos a iluminar
Os caminhos que caminhamos,
Os caminhos que cruzam os nossos caminhos
Até que chegue nosso adeus
Nossa hora de retornar a Deus.
Que ao chegar possamos dizer:
Valeu a pena a vida que me deste a viver.




Entendimentos& Compreensões de 

Candida Maria Ferreira da Silva 
Assistente Social, Teóloga, Especialista em 
Infância e Violência Domestica pela USP.
- Rio de Janeiro – RJ -
Candida é autora do Diário
blogcontosrecontos.blogspot.com.br 



Obs..:
Todas as obras publicadas na Sala de Protheus
São de inteira responsabilidade de seus autores.
O Editor!