terça-feira, 19 de abril de 2016

#PensarNaoDoi:

“A Influência do Bem!”
“... Em todo o mundo,
todos têm em suas vidas,
a proteção de um anjo...!”.

Em uma de suas ultimas poesias recebidas à escritora e poetisa carioca Monica Bayeh, divinamente começa assim:
“Quanto tempo é para sempre
Em medida de grandeza?
Como se mede a saudade
E essa vaga incerteza?”“.
Aproveito a poesia de minha admirada amiga carioca para lhe enviar um questionamento:
Que parte da vida você esta agora... Neste exato momento?
O que você espera, realmente, da vida?
Quer realmente saber a sua posição nesta vida?
Esta bem! Siga as instruções, por favor!
Imagine... Sim, imagine-se com o todo o dinheiro que desejaria em suas mãos.
Fácil até aqui! Ótimo.
Agora se pergunte:
Se o dinheiro era o seu objetivo, o que realmente você quer da vida?
Ao responder esta pergunta, cada um de nós encontra o seu lugar.
Creia-me. É assim.
Desejamos, quase sempre, o objeto do desejo e não o desejo em si.
O pensador Nietzsche em sua obra, Para Além do Bem e do Mal, deixou registrado:
“O homem precisa daquilo que em si há de pior se pretende alcançar o que nele existe de melhor”.
Neste Brasil, atual, conturbadíssimo, em todos os aspectos, perdido entre ausência de valores e atribuindo-se valoração como preço de vida, esquece que esta geração precisa tanto da nova para corrigir todos os erros... Que precisa lhe enviar orações e energias do coração.
Precisamos ter muito mais fé. Em nós e na geração, à qual somos os verdadeiros responsáveis.
Precisamos tocar as pessoas de formas diferentes das atuais...
Precisamos mostrar que a importância do trabalho unido, requer que cada um continue ajudando o outro.
A palavra Universo deriva do francês antigo Univers que por sua vez deriva do latim universum. A palavra latina foi usada por Cícero e posteriormente por outros autores com o mesmo sentido que é usada atualmente. A palavra latina é derivada da contração poética Unvorsum — usada primeiramente por Lucrécio no Livro IV de seu De rerum natura (Sobre a Natureza das coisas) — que conecta un, uni (a forma combinada de unus, ou "one") com vorsum, versum (um substantivo derivado do particípio passivo perfeito devertere, que significa "algo rodado, rolado ou mudado"). . Lucrécio usou a palavra com o sentido "tudo em um só, tudo combinado em um".
Uma interpretação alternativa de unvorsum é "tudo girando como um" ou "tudo girando através de um". 
Uma versão mais poética diz que Universo é igual a União das adversidades.
Bonitas definições. Mas e nós? Como iremos deixar nossa participação, neste pontículo do universo para nossos filhos? A próxima geração que vai viver e dirigir nosso amado país?
Creio que primeiro de tudo é muita fé!
Sim poder na fé e ajudar os outros pode ser a salvação de toda a humanidade. A influência que temos sobre a outra pessoa nunca morre ou morrerá... Ela permanece numa espécie de imortalidade.
E o anjo que nos acompanha, durante toda uma vida, é nossa melhor essência compartilhada com o outro. Mesmo em tempos tão turbulentos. Que sabe aqui não está à razão dos entendimentos que ainda não possuímos?
E nós no universo?
O universo encontra-se em expansão. Observações feitas nas últimas décadas indicam que o universo não só está se expandindo, como essa expansão está acelerando. Cientistas chamam essa energia misteriosa que acelera o universo de energia escura. Ao longo de bilhões de anos, as galáxias mais distantes de nós estarão cada vez mais afastadas a ponto de se tornarem invisíveis.
E nós estaremos onde? E todo o dinheiro que desejamos ter?
Ele simplesmente não terá mais nenhuma significação. Poderá deixar fortunas aqui... E ela simplesmente passará a outras mãos.
Você se lembra do bilionário mundial do início do século passado? Claro que não. Já está morto. E onde está não tem diferença nenhuma seus bilhões que ficaram aqui.
Mas as influências que sua essência mais pura, suas ações do bem para o bem, certamente estão sendo lembradas por muitas pessoas... Ou não!
E agora que você já pensou um pouco diferente... Já sabe o que será com todo o dinheiro desejado?
Continuará a ser exatamente o mesmo ser que é hoje... Creia-me! Não mudará. As pessoas não mudam. Não importa se está em um carro de alto valor e muito elegante, com roupas caríssimas de etiquetas famosas... Nada disso importa se não houver conteúdo nesta embalagem, neste continente todo criado pelo teu desejo de muito dinheiro.
Estamos assistindo, diariamente, no Brasil, pessoas que eram extremamente pobres e se tornaram milionárias em pouco tempo. Não importa se com roubos, extorsões, corrupção.... Nada disso muda. E eles também não mudaram... Continuam as mesmas pessoas mesquinhas, hipócritas com uma quantidade de mediocridade indiscutível... Alguns fizeram plásticas... Por fora... E nada mudou o que tinham dentro. Pois dentro não tinham nada.
Esta é a influência que precisamos deixar para nossos filhos e a próxima geração do Brasil: O bem é superior a tudo. O mal continuará existindo sempre.
O bem também. E você escolhe sempre!
Creia-me... A escolha é tua... Por toda uma vida... Ou várias.
Pense bem, no bem... Faz muito bem!
Coloquei a poetisa em epígrafe. Finalizo com suas divinas palavras:
“Descanse aqui comigo
Sem pressa, nem tanta brabeza
Diga que até me quer bem
Me mostre sua beleza.

Que passar é coisa do tempo
Seu jeito, sua natureza
Que viver com a mudança é da vida
A sabedoria e riqueza!.”
A propósito: Não estrague tudo na tua vida só porque você não tem certeza de quem realmente é...
Pensar não dói...



Entendimentos & Compreensões
Leituras & Pensamentos da Madrugada
Inspirado nas poesias da escritora e poetisa 
Carioca Monica Bayeh.
Da poesia: Quanto tempo é para sempre!
Publicado em 
http://poesiatodaprosa.blogspot.com.br/2016/04/quanto-tempo-e-para-sempre.html
Publicado originalmente no grupo Kasal – Vitória – ES.
http://konvenios.com.br/info/verArtigo.aspx?a-id=27663#.VxZTS_krLNM
Arquivos da Sala de Protheus
www.epensarnaodoi.blogspot.com.br